As bases da vez: de L'Oreal a Chanel

Fotos: Melissa Becker
Fotos: Melissa Becker

Oito dias, oito bases. Ou quase isso.

Tentando encontrar a base perfeita, “colecionei” muitas amostras – de L’Oreal a Chanel, de Avon a Guerlain. Tanto que não cheguei a usar todas. Recentemente, resolvi remexer na gaveta e colocá-las à prova.

Evitarei falar sobre “a cor ideal” neste post. Em muitos casos, o tom não era o mais indicado para a minha pele – isso porque não há amostra de todas as cores que a marca lança. Em geral, a vendedora me dava o que havia disponível e que estava mais próximo do meu tom. Decidi testar os produtos mesmo assim (tentando dar uma corrigida com bronzer ou iluminador!), para ter noção de qualidade, acabamento e duração.

Todos tem uma cobertura entre leve e média, porque procuro um efeito natural. Minha pele é mista – ou seja, o que funcionou bem para mim pode não chegar ao mesmo resultado em peles mais oleosas ou mais secas.  

Veja minhas impressões:

Bases_Melissa_Becker05QUINTA-FEIRA > L’Oreal Lumi Magique Foundation Light Infusing em N4 Pure Beige: Lançado com a promessa de ser uma base iluminadora, com 24h de hidratação. Cobertura média, podendo ser maior com a aplicação de mais camadas. Gosto muito do tipo de acabamento: não é opaco, mas também não deixa muito brilho. Dá uma iluminada, sim. Ao longo do dia, passando a mão no rosto com frequência, senti que o produto ficava nos meus dedos com facilidade. Se você tem pálpebras oleosas como eu, pode esperar que até sombra de fixação razoável não vai durar nem quatro horas no lugar. Talvez pó e um bom primer para a região dos olhos possam resolver o problema. Mesmo assim, oito horas após a aplicação, ainda tinha alguma cobertura no meu rosto (testado com o primer Porefessional, da Benefit). Custa cerca de £11, com apenas seis opções de cores.

 

Bases_Melissa_Becker06SEXTA-FEIRA > L’Oreal Nude Magique BB Cream em Medium: Parece uma loção, de cor quase branca, mas, quando aplicado à pele, se transforma na base esperada, lançando pigmentos para disfarçar olheiras e imperfeições. O produto foi criado como uma fusão de skincare com maquiagem, sendo o primeiro BB cream “autoajustável” da L’Oreal. A textura é leve, com boa cobertura (lembre-se: cobertura de BB cream, não de base!) e um acabamento natural. Não cobriu as olheiras como eu gostaria, mas fez as outras imperfeições da minha pele desaparecerem. Apliquei pouquíssimo pó na zona do T e blush. Com borrifadas do Urban Decay All Nighter Long-Lasting Setting Spray, até que durou por várias horas. Será uma aplicação suficiente para considerar meu produto favorito entre os BB creams de valores mais acessíveis? Foi uma boa surpresa. Promete hidratação 24h, com fator de proteção solar 12. Custa cerca de £ 10, limitado a duas opções de cores (claro e médio).

 

Bases_Melissa_Becker07SÁBADO > RMK Creamy Polished Base em 02: Esse produto não deveria estar neste “experimento” – não é base ou similar, mas, sim, um primer. Só me dei conta de que fiquei lost in translation com o nome após a aplicação. Usar apenas primer pode ser uma alternativa para quem não tem o costume de “se rebocar” e acha até mesmo BB cream demais para o dia. Foi o que fiz, mas indico apenas para peles muito boas e/ou jovens. Deixa a face com um tom mais uniforme – mas, nesta cor que experimentei, não disfarçou as áreas mais vermelhas do meu rosto. Talvez por isso, a marca japonesa tenha incluído duas opções corretivas entre as cinco cores disponíveis. Como usei por poucas horas, não posso opinar sobre duração. O que mais gostei é o leve brilho (quase um “mini-glitter”), perceptível só de perto, para iluminar o rosto. Com fator de proteção solar 13, custa cerca de £30.

 

DOMINGO > Chanel Perfection Lumière Long Wear Flawless Fluid Makeup em 12 Beige Rosé: Similar ao meu amado Giorgio Armani Maestro, tem consistência fluida, cobertura leve e acabamento matificado. Até então, nos dias anteriores, havia aplicado os produtos com os dedos mesmo. Foi o que comecei a fazer com a Perfection Lumière, mas tive que recorrer ao pincel (Real Techniques Expert Face Brush) para um melhor acabamento. Engraçado que, no site da Chanel, a sugestão é passar com os dedos mesmo! Usei o Bourjois Happy Light Luminous Serum Primer e um pouco de pó na zona do T, mas depois achei que não precisava deste último. Mesmo assim, gostaria que a duração da base na região sob meus olhos tivesse sido maior (isso depois de cinco horas). É iluminadora, mas não espere que cubra maiores imperfeições. Eu não iria falar dos tons das bases neste post, mas ou essa é a minha cor, ou sua característica “ajustável” realmente funciona. Com 14 tons e FPS 10, custa quase £40.

Bases_Melissa_Becker03

SEGUNDA-FEIRA > Chanel Vitalumière Satin Smoothing Fluid Makeup em 20 Clair: Uma das bases mais amadas entre as blogueiras… Resolvi não aplicar fixador para ver como seria a performance – só passei o primer da Bourjois, mais para preparar a pele mesmo. Poucas horas depois da aplicação, no entanto, percebi ao me olhar no espelho que uma parte do meu rosto estava SEM maquiagem! Como assim, Chanel? Ou esfreguei o rosto com força, sem notar, ou não dura nada. A Cynthia me confirmou que a duração não é o forte desta base – devo colocar em teste novamente, com outros produtos para “segurá-la” melhor e veremos. Dez cores, FPS 15, por cerca de £35.

 

TERÇA-FEIRA > Sem base! Oops: saí em cima da hora de casa e tive que dar um jeito com meu “kit de emergência”, alguns produtos fáceis de aplicar que levo na bolsa. Ainda escreverei post sobre isso.

 

QUARTA-FEIRA > Guerlain Lingerie de Peau Invisible Skin Fusion Foundation em 03 Beige Naturel: Ganhei a amostra quando testei o pó compacto da linha (há meses!). Parece mesmo uma segunda pele, dando uma sensação diferente de outras bases: quase como um “filme” aderente, no sentido positivo! A marca criou o que chama de “micro-malha Bio-Fusion”, que “molda suavemente os contornos do rosto”. Para quem tem poros abertos (como eu), pode não ser a melhor opção se preferir passar uma camada muito fina: neste caso, não disfarça. Mas é “construtível” (mais camadas para uma maior cobertura). A fragância, suave, é maravilhosa. Usei com o Dr Brandt Pores No More Pore Refiner – durou boas horas. Nove cores, com FPS 20, custa quase £40.

 

Bases_Melissa_Becker04

 

Bases_Melissa_Becker09QUINTA e SEXTA-FEIRA > Bobbi Brown Skin Foundation em Sand: Na verdade, minha antiga conhecida, uma das primeiras que experimentei quando comecei a procurar por uma “base decente”. Depois te ter tentado tantas, foi ótimo ver que ainda acho um excelente produto. Cobertura e acabamento naturais, que deixam a pele perfeita, e com ótima duração. Repeti a escolha na sexta-feira para o jantar de aniversário do meu marido (precisava de uma base em que eu confiasse para ocasião, não?), com o fixador da Urban Decay. Tem FPS 15 e vem em 14 tons, por £ 31.

 

SÁBADO > Outro dia sem base! Na real, sem nenhuma maquiagem – só com uma boa camada do hidratante Juice Beauty Green Apple Moisturizer. Produto orgânico, com FPS 15 e antioxidantes para os sinais de envelhecimento, tem um cheirinho bem gostoso de maçã verde. Só acho difícil de espalhar na pele e, por isso, evito usar com maquiagem.

 

Bases_Melissa_Becker08DOMINGOAvon Ideal Flawless Skin Loving Beauty Balm em Natural Beige: Depois de Chanel e Guerlain, seria fácil se decepcionar com produtos mais baratos. Diferenças com base à parte, a primeira impressão que tive com esse BB cream foi bem positiva. Apliquei com os dedos, sem corretivo, nem fixador. Unifica o tom da pele, mas não cobriu muito minhas olheiras. O acabamento é meio “brilho molhado” – mas, se não é o que você quer, isso se resolve com um pouco de pó (passei na zona do T e no queixo). Poderia durar mais, mas, de novo, isso é parte da “leveza” do BB cream. Diz conter “hidrantantes, antioxidades, minerais e vitamina E para ajudar a hidratar e proteger a pele”. Com FPS 15, custa £12 e vem em seis cores (o que, para BB creams, é variado!).

 

> Meus preferidos, no fim dos “testes”: Chanel Perfection Lumière (para luxo) e Bobbi Brown Skin Foundation (que não é barata, mas vale cada centavo), entre as bases. Dos BB creams, L’Oreal Nude Magique.

 

E você, já experimentou algum desses produtos?
Quais foram as suas impressões?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *