Limpeza de pele especial no The Club and Spa

Localizado no The Cube, o The Club and Spa fica agora aberto até mais tarde durante a semana – o que dá a chance de relaxar com alguns tratamentos depois de um dia de trabalho!

Da beira do canal, não dá para ver muita coisa, mas resumindo: o local é metade academia, metade spa.

Não fiz fotos, mas esse vídeo dá uma ideia do local:

 

E os serviços que o spa oferece não são apenas para quem vai passar um dia inteiro lá: é possível marcar tratamentos individuais, como se fosse um salão (como massagens, depilação, manicure, limpeza de pele etc), mas em um ambiente mais relaxante

Fui a uma noite para convidados, com “degustação” de alguns tratamentos da casa. Recebi uma massagem nas mãos e nos antebraços, feita pelo Jerome com um creme especial da marca Pevonia.

Confesso que, logo após a massagem, custou para absorver o produto. No outro dia, entanto, a pele de mãos e antebraços estava com uma sensação sedosa incrível.

* * *

Como quem participou do evento ganhou um bom desconto para futuras marcações, voltei ao spa uma semana depois para uma limpeza de pele – mais especificamente, uma prescriptive facial.

Foi a primeira que fiz no Reino Unido (demorou!), e tem semelhanças e diferenças com as que eu costumava fazer no salão no Brasil.

No The Club and Spa, a limpeza de pele é feita em uma sala ampla, de paredes escuras, à meia-luz e com música ambiente relaxante (tipo música de meditação).

Depois de remover minha maquiagem e fazer uma limpeza básica, a esteticista usou uma luz especial para ver melhor os detalhes da minha pele – não posso descrever o equipamento porque, nessa hora, eu estava com um protetor nos meus olhos!

Ela disse que tenho uma pele boa, com bom colágeno, mas com pigmentação (principalmente na testa), cravos (no queixo e no nariz) e faltando um pouco de hidratação (nas bochechas).

Assim como no Brasil, ela também usa aquela máquina do vaporzinho para abrir os poros antes de começar com a parte mais “manual” do tratamento.

Sim, rolou uma extração manual, mas fiquei bem impressionada que não deixou grandes marcas. Houve alguma vermelhidão logo que sai do spa, mas nada comparado com as cicatrizes que ficavam depois das limpezas que eu fazia no Brasil.

Pelo contrário: minha pele ficou mais iluminada na hora, e as cicatrizes que haviam antes (de duas espinhas) diminuíram.

A pigmentação continua lá (em formato de “meia-lua” na minha testa), mas, de acordo com o que foi possível ver com a luz especial, a que tenho é do tipo superficial – ou seja, ainda é possível reverter.

Além disso, tenho uma bolinha ao lado narina direita (que é visível em fotografias e vídeos) que ela não soube identificar com certeza o que é e não pode remover. Isso porque esse spa não tem licença para usar agulhas e afins.

O que, no Brasil, era resolvido em uma limpeza de pele, aqui não é. Para uma intervenção maior, vou ter que procurar uma skin clinic, que faz esse tipo de remoção.

Abaixo, listo os produtos usados durante o procedimento, que é finalizado com uma ótima massagem relaxante nos ombros, na cervical e na cabeça (sem desconto, custa £ 65). Quero um dia voltar lá só para massagem!

Eles também vendem esses cosméticos, e os clientes da limpeza de pele ganham 10% de desconto.

Além de Birmingham, tem The Club and Spa em Bristol e em Chester.

 

Todos os produtos são da marca Pevonia, da linha para peles sensíveis e para cuidados com a região dos olhos:

> Sensitive Skin Cleanser 

> Sensitive Skin Lotion (tonificante)

> Soothing Sensitive Skin Cream

> Soothing Propolis Concentrate (gel cicatrizante e descongestionante, altamente recomendado pela esteticista. Me interessei especialmente por esse, pois não tenho nenhum cosmético cicatrizante para o rosto)

> Eye Make-up Remover (indicado até para usuários de lentes de contato)

> “C” Évolutive Eye Gel (contra inchaço e olheiras)

> Évolutive Eye Cream (hidratante para a região dos olhos)

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *