3 coisas boas da semana

Viajar sem sair do lugar: à Colômbia com a segunda temporada de Narcos, à Holanda pelas páginas de Moça com Brinco de Pérola e aos Estados Unidos com Buffalo & Rye, no centro de Birmingham.

Segunda temporada de Narcos, no Netflix

Fiquei muito feliz quando soube que a segunda temporada de Narcos estaria disponível no Netflix no início deste mês (para vocês terem uma ideia, eu assinei Netflix por causa de Narcos). Mas só foi nesta semana que pude começar a assistir.

Sem querer dar spoilers, depois de assistir a cinco episódios, dá para dizer que o ritmo da história foi mantido – se não estiver ainda mais rápido. Resolvi pular o recap da primeira temporada, e me senti meio perdida, porque a sequência conta a história exatamente de onde a anterior parou: Pablo Escobar caminhando na mata enquanto escapa da prisão.

Narcos ainda tem muita história para contar além de Pablo Escobar. Começou com o personagem certo, mas não deve parar ao narrar a morte dele. Quem sabe, seguir a narrativa do agente americano Steve Murphy (interpretado por Boyd Holbrook), que eu não tenho ideia do que realmente fez na vida real depois da morte do traficante colombiano, mas imagino que deve ter se envolvido em mais algumas caçadas.

 

Moça com Brinco de Pérola, de Tracy Chevalier

Tive uma bela companhia nas últimas duas semanas: Girl with a Pearl Earring, de Tracy Chevalier (no Brasil, Moça com Brinco de Pérola, pela editora Bertrand Brasil), que terminei de ler na sexta-feira.

Não vi o filme ainda, mas a obra veio bem recomendada. Comprei há meses em uma feirinha de livros usados no meu escritório, para arrecadar fundos para uma instituição, e uma colega elogiou bastante. Quando comecei a ler, uma mulher na parada do ônibus veio me falar o quanto o livro era bom!

garota_com_brinco_de_perola_melissa_becker-720x720
Fotos: Melissa Becker

A história é contada por Griet, uma jovem que vai trabalhar como serviçal na casa do pintor holandês Johannes Vermeer. Mais do que a relação entre os dois (que é o principal foco da narrativa), o que mais gostei foi ler os momentos em que Griet auxilia o mestre, preparando as tintas, e a preocupação com a luz para os retratos.

Além disso, essa edição que tenho (da editora Harper Collins) traz reproduções em cor de pinturas de Vermeer citadas no texto.

Apesar dos personagens reais, a história não é. Não existem informações sobre quem é a garota retratada, conhecida hoje como Mona Lisa holandesa.

Fora a criatividade em ligar as diferentes pinturas com fatos e hábitos da época em uma história coesa, a autora fez um excelente trabalho em tentar refletir na personalidade de Griet as várias interpretações que sugerem ao quadro.

Para quem gosta de arte ou de escrita criativa, Moça com Brinco de Pérola é imperdível.

 

O hambúrguer do Buffalo & Rye, no centro de Birmingham

Nunca comi um hambúrguer como o Buffalo Brisket, do Buffalo & Rye, outro local com influência americana no centro de Birmingham. Além de o pão ser tipo brioche, com massa leve e adocicada, a carne, de ótima qualidade, é coberta com mais carne. Mais precisamente, brisket (peito de boi defumado e desfiado) – vale ler esse post do blog Brazilian Flair in the USA para saber mais).

É delicioso. Não tenho foto dele porque estava muito escuro, mas consegui fotografar o pedido do meu marido: o Buffalo Black (abaixo) vem com dois burgers, black pudding (tipo uma morcilha, mas maior), queijo e cebolas.

buffalo_collage-1024x392

Os hambúrgueres vêm com batata-fria. A salada “intrusa” da foto acima era minha, em troca das fries. Eles misturaram nossos pedidos e colocaram minha salada junto ao burger do meu marido.

Enquanto ele escolheu algo da seleção de cervejas americanas, eu fiquei em um cocktail: Bourbon Honey Mule, com bourbon Jim Beam Honey bourbon, limão e cerveja de gengibre (não alcoolica), com algumas gostas de angostura. Spot on.

A casa abriu no final do ano passado. É mais uma unidade da rede Bitters’ N Twisted – o mesmo do latino Bodega, também na Bennetts Hill, e do New Inn de Harborne, entre outros locais em Birmingham.

 

Always look on the bright side

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *