Um prato norte-africano de lamber os dedos

Como frequentadora do Lord Clifden, no Jewellery Quarter, eu estava há um tempo de olho no restaurante ao lado, o Blue Nile, que serve gastronomia típica da Etiópia e da Eritreia.

Nunca havia experimentado nada desta região da África, então, não tinha ideia do que esperar.

Foto: Melissa Becker

Mas foi divino. E por um bom preço.

As opções no menu são variadas, mas escolhemos o Yefisik Beyaynetu – pequenas porções de cinco pratos, todos com carne de ovelha e temperados com especiarias e ervas etíopes, sendo um deles servido com aybe (um tipo de cottage cheese, ou käschmier, em gauchês, ou ainda coalhada, em português).

Acompanhado por injera (um pão de massa azeda, com textura esponjosa, que faz uma combinação deliciosa com a carne apimentada), serve duas pessoas por £ 15.

Esqueça garfo e faca: a ideia é comer com as mãos mesmo, usando o injera para envolver a carne.

Foto: Melissa Becker

Por ter sido cozida em fogo baixo, por longo tempo, a carne é super macia e cheia de sabor.

Para acompanhar, pedi uma garrafa de tej, uma espécie de vinho produzido a partir de mel e de lúpulo – basicamente, um mead africano.

Foto: Melissa Becker

(Desta vez, as fotos para o blog não são grande coisa, mas dá para dar uma ideia do que esperar, caso você decida experimentar o restaurante!).

O Blue Nile fica na 28A Great Hampton Street, Birmingham (B18 6AA).

0 thoughts on “Um prato norte-africano de lamber os dedos

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *