Arquivos por categoria: Vida na Inglaterra

Porção individual

Acha estranho que, nos pubs ingleses, a porção de batata-frita é individual, ao invés daquelas grandes porções que a gente costuma dividir no happy hour no Brasil?

Ou que sua amiga britânica faça uma curta viagem de trem para visitar a família só a cada três meses, enquanto você conversa com sua mãe todos os dias por Skype por horas?

Essa é apenas uma das muitas diferenças culturais entre o Brasil e o Reino Unido – e, claro, um dos choques pelos quais passamos quando nos mudamos para cá.

Enquanto os brasileiros valorizam mais estar em família, em um grupo de amigos, na cultura britânica, prevalece a autonomia, a independência. Leia mais Porção individual

Orgulho inglês em DIY: faça você mesmo

DIY - B&Q, Reprodução
Imagem: Propaganda B&Q, Reprodução

Desde que me mudei para a Inglaterra, me admira como o povo aqui é adepto da filosofia do DIY (abreviatura para Do it Yourself, faça você mesmo). Eles têm uma mente aberta para aprender trabalhos manuais (muitas vezes, sozinhos) e colocar em prática em sua própria casa.

É só ir à biblioteca pública inglesa para encontrar uma diversidade de manuais. Marcenaria, jardinagem e costura, por exemplo, são hobbies, considerados gratificantes.

Essa habilidade ajuda bastante na economia doméstica, já que os valores de mão-de-obra no Reino Unido são altos se comparados com o Brasil.

Eu pensava que essa era a única razão que os levava a investir no DIY, na minha mentalidade brasileira. A questão é mais complexa do que isso. Leia mais Orgulho inglês em DIY: faça você mesmo

Como denunciar racismo no Reino Unido

Dias tristes no Reino Unido - Foto: Melissa Becker
Dias tristes no Reino Unido – Foto: Melissa Becker

O pior resultado do referendo sobre o Reino Unido na União Europeia foi o ódio emergente – entre lados, entre países, entre nativos e estrangeiros.

 

Com o aumento de incidentes preconceituosos dirigidos a imigrantes de qualquer etnia (esse álbum no Facebook traz mensagens de chorar), resolvi pesquisar e postar aqui como denunciar casos de racismo no Reino Unido.

Leia mais Como denunciar racismo no Reino Unido

Quando “acontece” o verão no Reino Unido

(Esse é um post mimimi. Se não está a fim, nem lê, por favor)

Depois de cinco anos morando na Inglaterra, fico baratinada quando vejo a previsão de um dia quente nessas terras.

Não sei o que fazer quando o verão finalmente “acontece” no Reino Unido. Também é assim como vocês?

Olhem bem a previsão: é UM DIA, um mísero dia nessa semana em que sol e calor irão combinar de se encontrar por Birmingham.

previsao

Leia mais Quando “acontece” o verão no Reino Unido

Dicas para procurar empregos no Reino Unido

Coisas que aprendi com meus erros e acertos e dicas que ouvi falar ao procurar emprego na Inglaterra… até que encontrei! O que mais você incluiria?

 

  • Se for seu primeiro emprego no exterior, esteja aberto às possibilidades, nem que seja apenas para ter uma referência para o próximo emprego.

 

  • Mais do que experiência, inicialmente, pense em ter referências no Reino Unido (seja de empregos anteriores, de trabalhos voluntários etc). Isso é importante porque empregadores gostam de contactar os chefes anteriores, mais para saber se a pessoa é confiável e se aparece para trabalhar. Também vai demonstrar que você já sabe como funciona um ambiente de trabalho britânico – mesmo que a experiência do trabalho em si não seja relevante para o novo cargo.

Leia mais Dicas para procurar empregos no Reino Unido

Lutando contra o mofo

Desculpem o post “dona de casa”, mas quem vive na Inglaterra acaba encarando mofo e bolor com mais frequência do que no Brasil.

Cansada de sentir aquele cheirinho de mofo nas minhas roupas e ver meus lindos sapatos com bolor no salto depois de guardados por apenas poucos meses, resolvi preparar meu guarda-roupa para resistir à umidade do inverno inglês.

Desumidificador_Melissa_Becker05
Fotos: Melissa Becker (gato meramente ilustrativo)

Pela Amazon, descobri esses desumidificadores descartáveis, com cristais absorventes, para serem usados em diferentes lugares (gavetas, armários, carros etc). Leia mais Lutando contra o mofo

O blusão no Natal inglês (e o que aprendi com ele)

image

Você já deve ter visto em filmes de Natal aquela cena em que todos os integrantes da família estão na sala, abrindo presentes, enquanto vestem blusões temáticos.

Ridículo, não? Era o que eu achava.

Minha opinião começou a mudar no ano passado, quando trabalhei com uma amiga britânica (a Tas) que simplesmente ama Natal.

Desde o início de dezembro, ela começa a desfilar uma extensa coleção de blusões de Natal (Christmas jumpers, como chamam por aqui).

Eu olhava e pensava como ela tinha coragem de sair assim na rua. Até que um dia, enquanto colocava uma tiara vermelha com chifres de renas purpurinados, ela disse: “Eu gosto de fazer as pessoas riem”.

E aí caiu a ficha. Uma lição que aprendi com os ingleses (melhor, britânicos em geral): a capacidade de não se levar tão a sério. Leia mais O blusão no Natal inglês (e o que aprendi com ele)

Foto: K2 Space / Creative Commons

“Choque” trabalhista

Não sou especialista (é sempre bom lembrar), mas resolvi compartilhar alguns aspectos da minha experiência como trabalhadora na Inglaterra, em comparação ao Brasil.

Cada país tem suas vantagens e desvantagens, não vou chegar a conclusões definitivas neste post.

Apesar de morar na Inglaterra há mais de quatro anos, minha experiência como empregada aqui é bem menor, já que fui, por metade deste tempo, autônoma em período integral – o que também tem grandes diferenças, mas isso é papo para outro post.

Leia mais “Choque” trabalhista